quinta-feira, 16 de janeiro de 2014


   Oooi meninas! Eu iria gravar um vídeo com a tag 14 livros para 2014, mas eu não tenho câmera ainda e meu aniversário é somente daqui a 2 meses então me desculpem meninas.Irei fazer a tag em forma de postagem mesmo espero que gostem!
    Esses livros são extremamente bem falados, e a maioria eu senti  muita curiosidade de ler pois vejo muitas frases em  tumblr são frases bem elaboradas, e isso chama atenção de qualquer pessoa né?!

1.Cidades de papel

Quentin Jacobsen tem uma paixão platônica pela magnífica vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman. Até que em um cinco de maio que poderia ter sido outro dia qualquer, ela invade sua vida pela janela de seu quarto, com a cara pintada e vestida de ninja, convocando-o a fazer parte de um engenhoso plano de vingança. E ele, é claro, aceita. 
Assim que a noite de aventuras acaba e um novo dia se inicia, Q vai para a escola e então descobre que o paradeiro da sempre enigmática Margo é agora um mistério. No entanto, ele logo encontra pistas e começa a segui-las. Impelido em direção a um caminho tortuoso, quanto mais Q se aproxima de Margo, mais se distancia da imagem da garota que ele achava que conhecia.

    Confesso que depois de ler A culpa é das estrelas fiquei super curiosa para ler os outros livros de John Green.Quando fui na saraiva com meu namorado, na véspera de natal eu ganhei esse livro dele e amei.É super engraçado e tem gírias e travessuras de adolescentes.To quase na metade do livro mais ta valendo viu?!

2. O diário de Anne Frank





12 de junho de 1942 - 1º de agosto de 1944.Ao longo desse período, a jovem Anne Frank escreveu em seu diário toda a tensão que a família Frank sofreu durante a Segunda Guerra Mundial.Ao fim de muitos dias de silêncio e medo aterrorizante, eles foram descobertos pelos nazistas e deportados para campos de concentração.Anne inicialmente seguiu para Auschwitz e mais tarde para Bergen-Belsen.


   Quero ler esse livro faz bastante tempo, não gosto muito da época do nazismo.Mas por frases acho que os relatos de Anne são bem interessantes então estou louca por ler!


3.Extraordinário

August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.


    Já ouvi falar muito bem desse livro ,  e o que espero desse livro, é que o autor aborde a síndrome de Auggie como John Green falava do câncer em A culpa é das estrelas : Extraordinariamente. 


4. O menino de pijama listrado



Bruno tem nove anos e não sabe nada sobre o Holocausto e a Solução Final contra os judeus.Também não faz idéia de que seu país está em guerra com boa parte da Europa, e muito menos de que sua família está envolvida no conflito. Na verdade,Bruno sabe apenas que foi obrigado a abandonar a espaçosa casa em que vivia em Berlim e mudar-se para uma região desolada, onde ele não tem ninguém para brincar nem nada para fazer. Da janela do quarto, Bruno pode ver uma cerca, e, para além dela, centenas de pessoas de pijama, que sempre o deixam com um frio na barriga.
Em uma de suas andanças Bruno conhece Shmuel,um garoto do outro lado da cerca que curiosamente nasceu no mesmo dia que ele. Conforme a amizade dos dois se intensifica, Bruno vai aos poucos tentando elucidar o mistério que ronda as atividades de seu pai. "O Menino do Pijama Listrado" é uma fábula sobre amizade em tempos de guerra, e sobre o que acontece quando a inocência é colocada diante de um monstro terrível e inimaginável.

  Após ver o filme , senti uma vontade contrária : ler o livro pois você geralmente tem a vontade de ver o filme depois de ler o livro (Confuso né?).É tocante e emocionante é uma história de amizade nos tempos de guerra , entrou pra lista de livros que quero ter em minha estante.

5.Um gato de rua chamado Bob


É uma tarde de outono em Covent Garden, Londres. Trabalhadores correm para o almoço, turistas brotam de todos os lados e clientes entram e saem das lojas. No meio de tudo isso está um gato. Usando um vistoso lenço Union Jack em volta do pescoço e cercado por uma multidão de 30 espectadores de boca aberta, Bob, o gatinho cor de laranja, sorri — é, sorri — timidamente. Próximo a ele, está seu dono James Bowen, com seu violão surrado, cantando músicas do Oasis. Então, ele para de tocar e se abaixa para Bob: “Vamos, Bob, cumprimente!”, diz. Bob mexe os bigodes, levanta uma pata e a estende para James. A multidão assobia. Não é todo dia que se vê um gato sentado, calmamente, no centro de Londres, aparentemente sem se abalar com o barulho das sirenes, os carros passando e todo aquele movimento — mas Bob não é um gato comum...

   Sou completamente apaixonada por gatos, e já vi uma reportagem falando desse cantor de rua que fica com seu gato chamado Bob e acho muito bonito a história de amizade de um humano com um animal assim como Marley & eu e Pra sempre ao seu lado.Quero muito ler porque simplesmente amo gatos.


6.Eu me chamo Antônio 


Antônio é o personagem de um romance que está sendo escrito e vivido. Frequentador assíduo de bares, ele despeja comentários sobre a vida — suas alegrias e tristezas — em desenhos e frases escritas em guardanapos, com grandes doses de irreverência e pitadas de poesia. Antônio é perito nas artes do amor, está sempre atento aos detalhes dos encontros e desencontros do coração. Quando está apaixonado, se sente nas nuvens e nada parece ter maior importância, e, quando as coisas não saem como esperado, é capaz de enxergar nas decepções um aprendizado para seguir adiante. Do balcão do bar, onde Antônio se apoia para escrever e desenhar, ele vê tudo acontecer, observa os passantes, aceita conversas despretensiosas por aí e atrai olhares de curiosos. Caso falte alguém especial a seu lado (situação bastante comum), Antônio sempre se acomoda na companhia dos muitos chopes pela madrugada. A mente por trás de Antônio é Pedro Gabriel. Em outubro de 2012, ele inaugurou a página Eu me chamo Antônio no Facebook para compartilhar o que rabiscava com caneta hidrográfica em guardanapos nas noites em que batia ponto no Café Lamas, um dos mais tradicionais bares do Rio de Janeiro. Em seu primeiro livro, Pedro apresenta histórias vividas por seu alter ego, desde a cuidadosa aproximação da pessoa desejada, o encantamento e a paixão, até o sofrimento provocado pela ausência e a dor da perda. Os guardanapos que inspiram milhares de pessoas na internet.

 Mais um livro que gostei pelas frases no tumblr, eu acho que ele fala de amor de um jeito bem diferente , muito contagiante e bem elaborado.


7.Destrua esse diário 


Um diário costuma servir para anotar ideias, memórias ou registros do cotidiano. Keri Smith, ilustradora e artista canadense, inventou um tipo diferente de diário, que exige do usuário uma interação mais lúdica e inusitada. Com a proposta de estimular a criatividade e questionar convenções sobre a forma como lidamos com os objetos, Destrua este diário nos convida a rasgar páginas, rabiscar, pintar fora das linhas, manchar e até mesmo levar o livro para o banho. A ideia surgiu quando Smith começou a refletir sobre o início da sua carreira como artista e percebeu que o perfeccionismo tão exaltado na nossa cultura era um grande empecilho do processo criativo. A experiência fez com que ela entendesse que é preciso esculhambar a monotonia e o lugar-comum para que o novo possa surgir.


 Já ouvi falar muito desse livro, mas somente ao folhe-lo na livraria que eu me interessei por ele.É um livro interativo, que manda você fazer inúmeras coisas com o diário até destruí-lo (dãah)  acho um excelente hobby e uma "revolução" literária.


8.O pequeno príncipe 


O Pequeno Príncipe é uma fábula. Ou se preferirmos, uma parabola. Não é um livro para crianças, porque traz justamente a mensagem da infância, a mensagem da criança. Essa criança que irromperá de repente no deserto do teu coração, a milhas e milhas de qualquer região habitada. A menos que não queira ver, a face do Pequeno Principe, a face de um outro, coroada com os espinhos da rosa.... Este livro é também um teste. É o verdadeiro desenho numero 1. Se não o quiseres compreender, se não te interessas pelo seu drama, fica aqui a sentença do Principe: Tu não és um homem de verdade. Tu não passas de um cogumelo

 Um livro bem antigo,mas muito comentando até hoje em dia.O pequeno príncipe é uma das fábulas mais extraordinárias que já vi, com um diálogo incrível.Me lembro de ter um livro porém as folha já não aguentam mais e tão fugindo do livro, é preciso comprar outro e reler pois a história da jiboia digerindo um elefante já não lembro tão bem.


9.Precisamos falar sobre Kevin

Eva Katchadourian na verdade nunca quis ser mãe - muito menos a mãe de um garoto que matou sete de seus colegas de escola, uma professora queridíssima, e um servente de uma escola dos subúrbios classe A de Nova York. Para falar de Kevin, 16 anos, autor desta chacina, preso em uma casa de correção de menores, a escritora Lionel Shriver arquitetou um thriller psicanalítico onde não se indaga quem matou. A trama se desenvolve por meio de cartas nas quais a mãe do assassino escreve ao pai ausente. Nelas, procura analisar os motivos da tragédia que destruiu sua vida e a de sua família.
Dois anos depois do crime, ela visita o filho regularmente. Aterrorizada por suas lembranças, Eva faz um balanço de sua trajetória onde analisa casamento, carreira, família, maternidade e o papel do pai. Assim, constrói uma meditação sobre a maldade e discute um tabu: a ambivalência de certas mulheres diante da maternidade e sua influencia e responsabilidade na criação de um pequeno monstro. 
Ao relembrar o passado, reexamina desde o seu medo de ter um filho ao parto do bebê indócil que assustava as baby-sitters. Mostra o garoto maquiavélico que dividia para conquistar. Exibe o adolescente que deixava provas de péssima índole. "Precisamos Falar Sobre o Kevin" cria polêmicas ao analisar as sociedades contemporâneas que produzem assassinos mirins em série ou pitboys. Estimula discussões sobre culpa e empatia, retribuição e perdão nas relações familiares, e nos leva a debater uma questão tenebrosa: poderíamos odiar nossos filhos?

 Eu sei que o livro tem uma capa muito assustadora,mas depois que li a sinopse esse livro ficou martelando na minha cabeça tipo : oque acontece? como acaba? porque?! Pelo que ouvi falar, Kevin é um psicopata e o livro vai relata as fases do psicopata, desde criança sua mãe teve um relacionamento complicado com seu filho,Kevin.Muito interessante, já estou me preparando psicologicamente para ler esse livro.


10. A estrela que nunca vai se apagar



Diagnosticada com câncer da tireoide aos doze anos, Esther Grace Earl era uma adolescente talentosa e cheia de vida. Fazendo jus ao nome, que em persa significa “estrela”, ela marcou todos em seu caminho com sua generosidade, esperança e altruísmo enquanto enfrentava com graciosidade o desgaste físico e mental causado pela doença. Filha, irmã e amiga divertida, alto-astral e inspiradora, Esther faleceu em 2010, logo após completar dezesseis anos, mas não sem antes servir de inspiração para milhares de pessoas por meio de seu vlog e dos diversos grupos on-line de que fazia parte. A estrela que nunca vai se apagar é uma biografia única, que reúne trechos de diários, textos de ficção, cartas e desenhos de Esther. Fotografias e relatos da família e de amigos ajudam a contar a história dessa menina inteligente, astuta e encantadora cujos carisma e força inspiraram o aclamado autor John Green a dedicar a ela sua obra best-seller A culpa é das estrelas.

 Esther é a Hazel Grace (a culpa é das estrelas) da vida real, essa é uma biografia da menina que inspirou John a fazer a culpa é das estrelas, extraordinário. (já falei essa palavra muitas vezes né?)


11.Deixe a neve cair

Na noite de Natal, uma tempestade de neve transforma uma pequena cidade num inusitado refúgio para encontros românticos. Em “Deixe a Neve Cair”, bem sucedida parceria entre três autores de grande sucesso entre os jovens, John Green, Lauren Myracle e Maureen Johnson escrevem três hilários e encantadores contos de amor, com direito a surpreendentes armadilhas do destino e beijos de tirar o fôlego. E provam que o amor verdadeiro pode acontecer quando e onde menos se espera.
John Green sempre surpreende , estou ansiosa para ler esses contos de amor.E ansiosa para saber do que contará.E também acho que to lendo muito John Green!


12.A menina que roubava livros


Entre 1939 e 1943, Liesel Meminger encontrou a Morte três vezes. E saiu suficientemente viva das três ocasiões para que a própria, de tão impressionada, decidisse nos contar sua história, em "A Menina que Roubava Livros", livro há mais de um ano na lista dos mais vendidos do "The New York Times".
Desde o início da vida de Liesel na rua Himmel, numa área pobre de Molching, cidade desenxabida próxima a Munique, ela precisou achar formas de se convencer do sentido da sua existência. Horas depois de ver seu irmão morrer no colo da mãe, a menina foi largada para sempre aos cuidados de Hans e Rosa Hubermann, um pintor desempregado e uma dona de casa rabugenta. Ao entrar na nova casa, trazia escondido na mala um livro, "O Manual do Coveiro". Num momento de distração, o rapaz que enterrara seu irmão o deixara cair na neve. Foi o primeiro de vários livros que Liesel roubaria ao longo dos quatro anos seguintes.
E foram estes livros que nortearam a vida de Liesel naquele tempo, quando a Alemanha era transformada diariamente pela guerra, dando trabalho dobrado à Morte. O gosto de rouba-los deu à menina uma alcunha e uma ocupação; a sede de conhecimento deu-lhe um propósito. E as palavras que Liesel encontrou em suas páginas e destacou delas seriam mais tarde aplicadas ao contexto a sua própria vida, sempre com a assistência de Hans, acordeonista amador e amável, e Max Vanderburg, o judeu do porão, o amigo quase invisível de quem ela prometera jamais falar.
Há outros personagens fundamentais na história de Liesel, como Rudy Steiner, seu melhor amigo e o namorado que ela nunca teve, ou a mulher do prefeito, sua melhor amiga que ela demorou a perceber como tal. Mas só quem está ao seu lado sempre e testemunha a dor e a poesia da época em que Liesel Meminger teve sua vida salva diariamente pelas palavras, é a nossa narradora. Um dia todos irão conhece-la. Mas ter a sua história contada por ela é para poucos. Tem que valer a pena.

  Esse livro me parece ter uma narrativa fantástica, ele é muito bem falado e muito procurado também e irão lançar um filme.Pretendo ler!


13.O estranho caso do cachorro morto



 Christopher John Francis Boone sabe de cor todos os países do mundo e suas capitais, assim como os números primos até 7.507. Gosta de animais mas não entende nada de relações humanas. Adora listas, padrões e verdades absolutas. Odeia amarelo e marrom e, acima de tudo, odeia ser tocado por alguém. Christopher Boone tem 15 anos e sofre de síndrome de Asperger, uma forma de autismo. Um dia, christopher encontra Wellington, o cachorro da vizinha morto no jardim. É acusado de assassinato e preso. Depois de uma noite na cadeia, decide descobrir quem matou o animal, e, inspirado no seu personagem fictício favorito, o impecavelmente lógico Sherlock Holmes, escreve um livro, relatando suas investigações. O resultado é "O Estranho Caso do Cachorro Morto" é o livro de estréia do inglês Mark Haddon. A história do garoto autista que sabe tudo sobre matemática e quase nada sobre seres humanos já conquistou um dos mais importantes prêmios estrangeiros: o Whitbread 2003, na categoria livro do ano.






É uma história de um menino que sofre de autismo e é culpa pela morte do cachorro de sua vizinha, e ele faz tudo para provar que é inocente,  bem legal!

14.Maus - a história de um sobrevivente


Maus ("rato", em alemão) é a história de Vladek Spiegelman, judeu polonês que sobreviveu ao campo de concentração de Auschwitz, narrada por ele próprio ao filho Art. O livro é considerado um clássico contemporâneo das histórias em quadrinhos. Foi publicado em duas partes, a primeira em 1986 e a segunda em 1991. No ano seguinte, Maus ganhou o prestigioso Prêmio Pulitzer de literatura. Nas tiras, os judeus são desenhados como ratos e os nazistas ganham feições de gatos; poloneses não-judeus são porcos e americanos, cachorros. Esse recurso, aliado à ausência de cor dos quadrinhos, reflete o espírito do livro: trata-se de um relato incisivo e perturbador, que evidencia a brutalidade da catástrofe do Holocausto.






 


Mais um livro sobre nazismo, só que dessa vez em quadrinhos. Esse livro aborda os nazistas em forma de gatos, os judeus em forma de ratos,etc..

Meninas, os comentários são bem superficiais sobre os livros pois ainda não li, então quando eu ler farei resenha aqui no blog.Espero que tenham gostado!

                                               Beijinhos,

43 comentários:

  1. Olá, Seguindo o blog, adorei.


    (Comente e Siga-me)
    http://gabriellyrosa.blogspot.com G.R ♥

    ResponderExcluir
  2. O Menino do Pijama listrado eu vi o filme e comprei o livro, so estou esperando chegar, o pequeno pincipe eu já algumas paginas em versão web! Mas morro de vontade de ler o livro fisico mesmo.. acho muito fofo e cidades de papel deve ser mto bom,... to loca de vontade de ler... mas ainda tenho na fila "Agua para elefantes"!
    Adorei as indicações
    Bjux.x

    atualwoman.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cidades de papel é muito bom to lendo, água para elefantes o filme é muito bonito!
      beijos!

      Excluir
  3. desses eu só li o diario de anne frank e a menina que roubava livros, o resto conheço por filme, como o menino do pijama listrado e precisamos falar sobre kevin!!

    beijosss

    manualdeusuaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. quero muito ler o diario de anne frank, acho que sou meio fascinada pelo nazismo haha '-'
      beijos!

      Excluir
  4. Muitos desses livros estão na minha listinha também, Cidades de Papel estou louca para ler, Deixe a Neve Cair, John Green está me conquistando bastante, no momento to lendo 'Quem é você, Alasca?' dele também hehehe.
    Beijos,
    poderosascomsalto.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é verdade, muito mesmo to lendo e tá cada vez melhor CDP (:
      beijos!

      Excluir
  5. Oi Gabi! Lista bacana! Quero muito esse livro do Diário da Anne e eu me chamo antonio. Quanto ao destrua seu diário, não quero mais, tava vendo uns vídeos pelo youtube e é meio nojentinho as coisas que temos que fazer p/ destruir!
    Beijo!

    minhassingularidades.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha é muito legal, dá pra fazer varias coisas!
      beijoos!

      Excluir
  6. Já tenho o Destrua Essa Diário e AMO *-* Quero ler o primeiro livro que você mencionou também!


    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
  7. Já li quase todo rs
    Vou ler 52 livros em 52 semanas, fiz uma projeto assim no blog hehe'

    http://historiaimperfeita.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Vários desses estão na minha listinha também. A Menina que Roubava Livros já li, e não gostei muito, mas leia sim.♥

    PiinkCookie.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. poxa, to pensando em trocar esse não me interesso tanto haha
      beijos!

      Excluir
  9. Eu tenho o Destrua este diario, e vou começar a fazer arte com ele hoje rs.

    http://leitecombiscotos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é muito legal , to bem ansiosa pra ter um!
      beijos

      Excluir
  10. Temos muitos livros em comum, tipo cidades de papel, o diário de Anne Frank, deixe a neve cair.
    mlleglamour.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Gaaaabi, qro mt o destrua este diário <33

    vivendoforadeserie.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Quero o destrua este diário e cidades de papel! Amei o seu blog! Beijão :3
    http://cupcakedespikes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada floooooor, pra mim falta DED *-*
      beijos!!

      Excluir
  13. nossa! amei todos os livros ha e te indiquei para a tag 11 conhecendo a blogueira! bjss!
    http://pertoaosquinze.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Ah a minha lista para ler esse ano está enorme tbm. O pequeno principe vc vai adorar e o precisamos falar sobre o kevin eu vi o filme.

    Bjos

    Aline
    http://comprasdemulheres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é lindo mesmo , to louca pro PFSK (:
      beijoos!

      Excluir
  15. Oi adorei a sua lista de livros,eu estava louca para ler algum livro diferente e tals...e eu acho que vou seguir sua lista.
    beijos.
    obrigada pela visita em meu blog,to te seguindo.
    http://vinteanoos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muiiiiito obrigada flor, também to seguindo você!
      beijos!

      Excluir
  16. Nao li nenhum da sua lista :0 isso me chateia….
    Porem pretendo ler: deixe a neve cair e Eu me chamo Antonio! Sao dois livros que acho que vale a pena ler, vi muitas resenhas sobre ambos livros e gostei:)

    beijos :*

    http://forevers2young.blogspot.jp

    ResponderExcluir
  17. Quase todos esses eu quero lê também! Principalmente o '' A estrela nunca vai se apagar'' só de falar já me da vontade de chorar, necessito muito lê! :)

    Menina Flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. poxa é mesmo né? sera que vai ser mais emocionante que a culpa é das estrelas?
      beijos

      Excluir
  18. Estou lendo o menino do pijama listrado é bom mais acho q tem outros melhores que ele , e já comprei o eu me chamo Antonio estou louca pra ler , adorei o blog
    Beijinhos e Sucesso ♥
    http://baabisooouza.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada flor, deve ser mt bom msm!
      beijos

      Excluir
  19. quero ler muito cidades de papel *-*

    Bjuuu
    Juliana Medeiros
    umabonecamasnaodeporcelana.blogspot.com.br
    facebook.com/UmaBonecaMasNaoDePorcelana

    ResponderExcluir
  20. To alok pra ler Cidades de Papel *--* adooro ler!
    http://andressabelizario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Postagem muito bacana!! ^^ Estou pretendendo aproveitar o meu 2014 e ler um pouco mais :)

    Beijinhoos!!

    4brokegirls.blogspot.com.br
    https://www.facebook.com/pages/4brokegirl/167299046787972

    ResponderExcluir
  22. Tenho vontade de ler alguns desses, como Deixa a Neve Cair e Cidades de Papel.

    Beijos,
    posrealidade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  23. Oi querida!
    Amei esse projeto. Maravilhoso mesmo...um projeto que incentiva o conhecimento e a leitura.
    Achei as tuas escolhas perfeitas...destes que falasses eu li apenas "Eu me chamo Antonio".
    Eu estou super interessada no "Bob" e no "cidade de papel". Eu dei o "Diário de Anne Frank" p/ meu namorado, eu pretendo ler uma hora dessas também...
    Eu já vi o filme do "Kevin", é super forte. Super forte mesmo...eu não gostei muito.
    Beijinhos ♥

    Pink CupCake

    ResponderExcluir

É uma honra ter você como visita, seja bem-vindo (a) !

♥ Não comente seguindo, segue de volta?!
♥ Sempre respondo os comentários
♥ Aceito críticas construtivas
♥ Deixe o link do seu blog

Comentem a vontade pessoal.



A blogueira

Minha foto
Bem vindos ao meu mundo secreto, Me chamo Gabriela e tenho 16 anos de idade.Particularmente, odeio meu nome então me chamem de Gabi.Minha série favorita é The Walking Dead e amo South Park,sou uma aluna de Hogwarts da casa Grifinória é claro, sou uma devoradora de livros aliás,meu livro favorito é A culpa é das estrelas. O blog é como um hobby para mim e adoro isso. Contato: guabiinha@ig.com.br

Leitoras

minha leitura atual..

minha leitura atual..

Postagens populares

Pesquise aqui

Parceria

Parceria

Parceria

Tecnologia do Blogger.